Your Canadian Bitch is BACK

HÁÁÁÁ!

Sentiram minha falta? :}

SENTIRAM SIM, SENTIRAM SIM, NÃO MINTAM PORQUE EU RECEBI VÁRIOS EMAILS LINDOS PEDINDO O RETORNO DO BLOG <3

Gente, primeiramente muito obrigada pelo amor online, achei muito fofo e falei pra todo mundo que eu tenho fãs. (cof cof)
Desculpem a ausência eterna, mas foram meses meio corridos e eu estou sem computador aqui :( postar do app do iPad não é tão fácil quanto parecia, é difícil de editar. Mas não me desamem, eu voltei <3 E em meio a tanta loucura, calor, aulas e ressaca, achei finalmente um cantinho pra voltar a rechear as suas vidas de emoção e maple syrup. TODAS ANIMADAS?

Vem comiiiigo todos abraçadinhos e vamos passear nas minhas primeiras impressões, curiosidades, dicas, aleatoriedades, mitos e verdades nesse post especial de boas vindas à moi.

20140531-133020.jpg

* Croissant não se come com recheio em lugar nenhum. Espere uma careta de confusão se você resolver perguntar “o que que tem dentro”.

* Olha, não é porque eles tem fama de educados que você não vai encontrar serviço ruim e gente que merece um tapa de luva de hockey na fuça. Mas em geral, são muito educadinhos mesmo!

* Não encontrei ninguém ainda que me maltratasse por eu falar em inglês e não em francês. A busca pelo famoso recalque quebecois prossegue.

* Fale o que quiser, mas os mendigos daqui são super criativos. Placas como “Too ugly for prostitution” ou rimas como “Down on luck, spare a buck?” estão entre as várias formas inovadoras de pedir dinheiro que eu encontrei por aqui. Ainda levo esse povo pra uma agência de publicidade.

* A sua vida nunca mais será a mesma depois de conhecer o Dollarama. NUNCA. MAIS.

* Aprenda a ser um bêbado discreto: as ambulâncias distribuídas pela cidade podem acabar te recolhendo se acharem que você está travando uma batalha pessoal contra o seu fígado. E não se iluda, você vai ter que pagar tanto a ambulância quanto o táxi em que eles vão te colocar pra voltar pra casa.
NÃO QUE ISSO TENHA ACONTECIDO COMIGO, NÉ. OUVI FALAR.

* Há um número considerável de caras com coques no cabelo. Há também uma quantidade considerável de mulheres levando a sério o pantone do ano e pintando o cabelo de roxo.

* Essa história de dar gorjeta aqui é sagrado. Experimente esquecer e presencie em um momento único um canadense rodando a baiana.

* Graças ao inverno, você jamais encontrará um motoboy na rua. Alívio para os retrovisores de quem pretende dirigir aqui.

* Aquele tal de Bubble Tea é uma bela de uma meleca.

* Não precisa choramingar, você vai encontrar sim o seu leite condensado, a farofa, o feijão e etc. É só encontrar um mercadinho no bairro português mais próximo.

* Dizem que existem quebecoises aqui, mas por enquanto isso pra mim é uma lenda urbana. Tem tanta gente de fora que encontrar o seu futuro green card pode se tornar uma odisséia.

* Olha, eu sei que é primeiro mundo e tal, mas pelo amor da Nossa Senhora do Instagram, porque privam tantos hipsterzinhos inocentes de internet ilimitada? Aqui não existem planos de internet para celular como no Brasil, que você para R$0,50 e usa internet o dia todo. Você compra um tanto de internet, se usar tudo em um dia, acabou, vai ter que comprar mais. Não tem essa moleza de só ficar mais devagar pra tirar uma onda com a sua cara, acaba mesmo. E os planos ilimitados sao caríssimos.

* Ainda não compreendi a logística noturna dessa cidade. Todos ps bares e baladas fecham as 3h, mas o metrô fecha à 1h e só reabre as 6h. Daí depois não querem gente bêbada na rua. Canadá, não me decepcione. Abre esse negócio mais cedo porque ficar caçando ônibus noturno num frio de vinte graus negativos não é adequado aos vindos de países tropicais.

Acredito que por enquanto é o que me vem à cabeça, chuchuzinhos.

20140531-135028.jpg

E como aqui a gente gosta de uma inovaçãozinha luxuosa, decidi começar uma sériezinha de vídeos, dependendo do assunto. :D Quem tá pronto pra me ver ao vivo e a cores dando as dicas mais úteis e hipsters de toda a blogosfera? Prepara a pipoca sabor vegetais e o refrigerante orgânico que logo logo tem o primeiro episódio!

Sem contar a nova leva de posts INCRÍVEIS e quentinhos diretamente da nossa amada Montréal :)

All bitches on board?
Fasten your seatbelts honeybees, it’s gonna be a bumpy ride.

See you HERE, bitches!

Anúncios

4 comentários sobre “Your Canadian Bitch is BACK

  1. Estou indo para Montreal no ano que vem (Janeiro) para ficar um ano no programa de Estudo + Trabalho. Adorei seu blog! Super engraçado, inteligente e com dicas muito úteis pra quem está indo. Já tinha lido alguns blogs e visto alguns vídeos no Youtube, mas vamos ser sinceras? A maioria dessas pessoas são chatas demais! Por isso, estou ansiosa pelos seus vídeos! Tenho certeza que vão ser ótimos! Bjs e sucesso!

  2. olá dicas foram boas !! estarei na cidade 1 de Julho de 2014 !! ” quais os ritmos de Balada que tem ai ?” estou ancioso para conhecer as melhores rs… obrigado : )

Deixe aqui um pouco do seu brilho

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s